O desafio de ter uma Vida Equilibrada

57

A vida é formada por diversas dimensões. Temos que cuidar da saúde, do trabalho, da família, do relacionamento com os amigos, das questões espirituais, sociais e ecológicas, além de participar da comunidade e realizar-se financeiramente

O DIA TEM “APENAS” 24 HORAS. Parece pouco diante de tantas atribuições que temos nos deparado em nosso dia-a-dia.

A pressão é grande! O mundo mudou! Tudo ficou mais acelerado. Todos querem respostas rápidas. Vivemos no meio de um turbilhão. Informações demais, tempo de menos.

A vida é formada por diversas dimensões. Temos que cuidar da Saúde, do Trabalho, da Família, do Relacionamento com os Amigos, das questões espirituais, sociais, ecológicas. Participar da comunidade, e realizar-se financeiramente.

Só que na vida, nada é isolado. Cada decisão que tomamos, nos leva a uma nova direção, inaugura um novo caminho. São infinitas possibilidades.

Somos a soma das nossas escolhas. E escolhas certas determinam a qualidade e sucesso de nossas vidas. Já escolhas equivocadas nos afastar da tão sonhada Vida em Equilibrio, tornando-se muitas vezes um enorme pesadelo.

Não estou dizendo para levar uma vida mais “light”. Ser mais “zen”. O mundo não irá desacelerar. As cobranças não diminuirão. E mudar radicalmente de vida nem sempre é o caminho.

Quantas vezes me deparei com pessoas que largaram a vida profissional para se dedicar a família. Anos depois nota-se uma certa frustração pois no fundo não era isso que a pessoa buscava.

Por outras inúmeras vezes me deparei com profissionais demonstrando arrependimento e até um alto grau de culpa por não ter conseguido passar mais tempo com seus filhos. Vê-los crescerem!

Quantas pessoas apresentam sinais claros de uma saúde debilitada. A beira de um colapso.

Minha proposta não é fazer você mudar sua essência. Nem que procure soluções radicais. Mas sim que adquira um grau de consciência sobre onde estão seus pontos mais vulneráveis e como equilibrá-los.

A partir da consciência sobre como está sua situação em cada uma das dimensões da vida, você poderá traçar pequenos planos e metas para obter maior equilíbrio.

Importante: Equilíbrio não é ter o mesmo tempo dedicado a cada uma das dimensões e sim ter a clareza de quanto e como você deve dedicar tempo a cada uma das dimensões da vida, levando em conta o seu atual momento de vida. Ou seja, a busca pelo equilíbrio é algo permanente e contínuo.

A questão não é simples, mas é totalmente factível.

Algumas dicas:

  1. Identifique seus desequilíbrios
  2. Identifique fatores que podem te impedir de conquistar maior equilíbrio de vida
  3. Quebre o Ciclo da autossabotagem
  4. Tome a decisão
  5. Defina prioridades e pequenas metas
  6. Busque parceiros e aliados
  7. Mude suas atitudes
  8. Acredite, persevere!

Enfim, nunca é cedo nem tarde demais para começar a buscar uma vida mais equilibrada. Faça acontecer e depois compartilhe sua experiência. Contagie seus colegas e familiares.

Sucesso!

Milton Camargo

Sócio-diretor do Grupo Empreenda

É colunista e coordenador de conteúdo do Blog do Management da EXAME.com