Empresa que quer fazer diferença precisa pensar em sustentabilidade

551

Nos dias atuais, a sustentabilidade é um ingrediente importante e impossível de ser dissociado do modelo de negócio de qualquer negócio, seja uma pequena empresa de prestação de serviços ou uma fábrica que emprega processos de manufatura sofisticados.

Esse é o seu desafio do novo empreendedor. Não basta fazer contas para saber se o negócio será lucrativo, sem se preocupar com os rejeitos do processo produtivo. Não adianta colocar a empresa para funcionar sem se preocupar em evitar gastos desnecessários com matérias primas escassas.

Não convém criar uma empresa inovadora em produtos que são lançados no mercado, mas que apresenta gastos excessivos de energia e água. E não vale a pena, para você e para a sociedade no longo prazo, colocar uma empresa em funcionamento mesmo sabendo que no curto prazo traga consequências desastrosas ao meio ambiente.

Além de pecar do ponto de vista moral e talvez até ético, o empreendedor que não se preocupar com a sustentabilidade poderá pagar um preço caro se não seguir as cada vez mais rigorosas leis que têm sido criadas para restringir ações não sustentáveis.

Uma prova de que a sustentabilidade é palavra de ordem dos negócios nos dias atuais pode ser constatada ao se analisar a pesquisa realizada anualmente pela MIT Sloan Management Review em parceria com a empresa Boston Consulting Group.

Recentemente, os responsáveis pela pesquisa entrevistaram mais de 3000 executivos de empresas em 113 países para saber como a sustentabilidade está sendo considerada nessas empresas.

Quando o assunto é o impacto da sustentabilidade no modelo de negócio das empresas, alguns fatores apareceram como os mais importantes e que lideram as preocupações ou iniciativas das empresas para dar mais atenção ao assunto.

O destaque é a demanda do consumidor por produtos e serviços sustentáveis, ou seja, as empresas precisam ser proativas no quesito sustentabilidade se quiserem fazer a diferença no mercado.

Porém, quando se analisam as regiões onde a sustentabilidade é considerada importante pelos executivos entrevistados, a América do Sul aparece com pouco destaque.

Isso mostra o quanto os empreendedores sul-americanos, incluindo os brasileiros, precisam rapidamente mudar de atitude quanto à importância de uma postura mais sustentável no modelo de negócio de suas empresas e iniciativas empreendedoras.

A lição de casa a ser feita pelo empreendedor brasileiro é considerável, mas aqueles que optarem por liderar o desenvolvimento de ações sustentáveis em sua empresa, o que ainda é algo incipiente em nosso país, poderão se diferenciar e assumir a dianteira em seu mercado de atuação.

Trata-se de uma decisão consciente de negócio, que trará resultados positivos à sua empresa e ao ambiente onde está inserida, gerando valor para a sociedade como um todo.

Fonte :http://economia.uol.com.br/ultimas-noticias/colunistas/jose-dornelas/2015/06/08/empresa-que-quer-fazer-diferenca-precisa-pensar-em-sustentabilidade.htm

COMPARTILHAR